A Freguesia nas Memórias Paroquiais

CENDUFE

Sam Thiago de Cendufe. 1º Exziste esta freiguezia na Provincia do Minho, em o Arcebispado Primaz de Braga. Hé no ecleziastico da comarca de Valença do Minho e no secular da notavel villa de Vianna da Foz do Lima, hé do termo da villa dos Arcos de Valdevez esta freiguezia de Sam Thiago de Cendufe. 2º Hé senhor da ditta villa dos Arcos o excelentissimo Bisconde de Villa Nova de Cerveira e por isso senhor de todo o seu destricto. 3º Tem vezinhos noventa e coatro, pessoas de sacramento duzentas e trinta e duas e menores trinta e três que por todas fazem o numero de duzentas secenta e sinco. Está situada esta freiguezia a metade della em vales e a outra parte em montes dos montes donde tem alguns lugares se descobrem a villa de Ponte do Lima que dista legoa e meia e a villa da Barca que dista huma legoa. Descobrem-se mais quazi de toda a freiguezia as povoações seguintes, São João da Ribeira que dista huma boa legoa, Sam Thiago de Gimieira que dista mais de meia, a do Couto de Gondufe, que dista outro tanto, a de Veiral que dista o mesmo, a de Sam Martinho de da Gandera que dista perto de meia, a de Santa Cruz que dista mais de hum coarto de legoa, a de Labradas que dista o mesmo, a de Brabaens que dista meia legoa, a de Oleiros que dista huma, a de Souto que dista meia, a de Monte Redondo que dista o mesmo, a de Tavora e de sua anexa Sam Vicente que dista hum coarto, a de Padreiro que parte com esta, a de Sam Lourenço do Cabrão, a de Jolda, a de Sam Paio de Jolda que todas partem com esta ditta freiguezia. 5º Não tem termo seu, mas antes hé como já disse do termo dos Arcos de Valdevez. 6º Aparoquia está situada em hum alto distante dos lugares que são, o Cotto, Soutello, Portella, Agrelos, Villaboa, Ribeiro, Lage, Costa, Mourigo, Cazais, Rodalho e Boussas. 7º Hé o seu orago o Apostolo Sam Thiago Maior. Tem sinco altares, o maior hé donde está colocado o Santissimo Sacramento e no retabolo da parte direita o padroeiro Sam Thiago e da esquerda a imagem do Gloriozo Santo Antonio de Padua e discorrendo pella parte direita tem abaixo da capella mor huma capella com altar, porém sem retabolo, nem imagem que faz frente à outra parte esquerda que nella está colocada a imagem de Jezus Christo no passo de Ecce Homo, mais abaixo da parte direita tem hum arco e nelle metido hum retabolo com a imagem da Virgem Santissima do Rozario e em frente outro com a imagem do martir São Sebastião. Não tem naves. Tem as irmandades seguintes, a do Santissimo, a do Rozario, a das Almas, a do Menino Deos e a de Sam Sebastião. 8º Hé parocho desta freiguezia abbade que tem de renda hum anno por outro trezentos mil réis. 9º Não tem beneficiados e hé de colação ordinaria. 10º Não tem conventos alguns. 11º e 12º Também não tem hospitais e menos caza de mizericordia. 13º Tem huma capella que tem por padroeira a Senhora das Neves, hé da Qinta (sic, por Quinta) dos Cazais de que hé senhor Antonio de Sá Sotto Maior. 14º Não há romagem alguma nesta freiguezia. 15º Dá esta terra os frutos seguintes, bom trigo e centeio, bom vinho e com abundancia, muito milho, algum azeite, feijão e frutas de toda a casta. 16º Hé sujeita esta terra ao juiz ordinario da villa dos Arcos de Valdevez. 17º Não hé couto, nem cabeça de concelho, honra ou behetria. 18º Não consta florecerem, nem sahirem desta terra thé o prezente algum homem insigne em Virtudes, Letras ou Armas. 19º Não tem feira, nem nunca a teve, nem terá. 20º Hé terra de pouco negocio e por isso sem comrespondencias, serve-se do correio da villa da Barca que como fica ditto dista huma legoa, chega este na Terça Feirae parte na Coarta de manhã. 21º Dista da cidade capital do Arcebispado de Braga sinco legoas e da capital do Reino secenta e sinco ou secenta e seis. 22º Não tem privilegios alguns, dizem os moradores que em hum morro que fica por sima da igreja matriz desta freiguezia, chamado o Crasto, fora no tempo dos Sarracenos quando dominavam a Luzitania e as Espanhas fortificação em que havitava hum regolo e disso o sitio dá indicios porque no mais alto do ditto morro se vêem vestigios de trincheiras muitos tijolos e algumas pedras lavradas, como pedaços de colunas e outros indicios quedão a entender haver ali caza forte ou havitação. 23º Não tem fonte selebre, nem lagoa. 24º Fica distante do porto de mar sinco legoas. 25º Não tem muralhas e menos hé prassa de armas e no que respeita à forteficação antiga já fica ditto no §22º. 26º Seja Deos bemditto, não padeceo ruina no Terramoto do anno de 1755. 27º Não há memoria de couza notavel mais que ser esta freiguezia a mais pobre do concelho dos Arcos de Valdevez e os seus lavradores sustentarem-se mizeravelmente gran-geando terras de senhorios, dizem há muita fonte no sittio das Sueirinhas que hé destritto desta freiguezia que sequa no Inberno emana abundancias de agoas no Verão em forma que rega huma leira de terra que lhe fica por baixo. Não há nesta freiguezia serra alguma notavel que tenha propriedade alguma declarada no interrogatorio. Dos rios desta freiguezia: §1º Se chama ao rio que rega quazi toda esta freiguezia e parte da de Padreiro, da de Sam Lourenço de Cabrão e da de Jolda, o Cabrão, dizem nasce na freiguezia de Miranda que parte com esta. §2º Nace pello que digo asima na freiguezia de Miranda sem ser caudelozo, porém no Emberno colhe tanta agoa que innunda os campos e corre com tanta velocidade e tão rapido depois que passa pellos lemites desta freiguezia e se mette na de Sam Lourenço do Cabrão que delle toma a freiguezia nome, que aturde o seu ruido aos moradores que lhe ficam vezinhos e se ouve em distancia larga. §3º Não entram mais rios nelle mais que alguns regattos. §4º e 5º Não hé navegavel, nem disso hé capaz e a respeito do impetto do seu cursso já disse no §2º. §6º Corre de Norte para o Sul. §7º Cria boas trutas, não na grandeza mas sim no gosto. §8º As pescarias que nelle há fazem os curiozos em todo o anno com chumbeira ou varellas e inda à mão no tempo de Verão quando leva poucas agoas, colhendo-as nas lapas. §9º São livres as pescarias que nelle se fazem em todo este rio. §10º As suas margens se cultivam e corre por entre campos principalmente depois que torna a entrar nesta freiguezia. Tem ao pé das suas correntes muitas parreiras penduradas de carvalhos a que nesta terra chamam ubeiras que dão abundancia de vinho e hé o milhor, não na coalidade mas sim se lavra com pouco custo. §11º As suas agoas não tem virtude alguma particular. §12º Sempre conservou o mesmo nome de Cabrão. §13º Morre no rio Lima e se chama aonde finaliza a boca do Cabrão. §14º Não pode ser navegavel por ter muitos despinhadeiros, trocicollos e ser muito estreito. §15º Tem no sittio de Pardelhas hum pontilhão arruinado, em São Lourenço no sittio do rio huma ponte de traves de pao, entre os campos do Rodolho huma ponte de pedra que há poucos annos mandou fazer à sua custa Antonio de á Sotto Maior desta freiguezia, outra mais abaixo feita tãobém à sua custa entre os seus campos dos Cazais, mais abaixo hum pontilhão no sitio do lugar do Rodolho e na estrada Real que vai da villa de Ponte do Lima para a dos Arcos de Valdevez huma ponte de cantaria com hum só arco e outra na Rebada. §16º Tem este rio muitos moinhos de pão e na freiguezia de Miranda hum folão e delle sai huma levada para hum lagar de azeite de Pedro Malheiro de Gouvea no sittio da Ribeira. §17º As suas areas não são muitas ou nenhumas, porque corre muito rebatado e por isso cuido nunca deu metal algum. §18º Os povos não uzam livremente de suas agoas para regarem as terras, porque está repartida aos dias pellas propriedades, mas dá agoas com abundancia para a rega dellas. §19º Desde onde principia athé onde finaliza terá pouco mais de huma legoa, passa por coazi toda a freiguesia de Miranda, entra nesta no lugar do Cotto, passa a freiguesia de Sam Lourenço do Cabrão e se torna a meter nesta no sittio dos Campos da Entrada, passa pello lugar do Rodolho e se mette na freiguesia de Sam Paio de Jolda donde acaba, perdendo o seu nome aonde lhe fica a boca e nesta no tempo de innundaçoens atravessando-lhe hum tresmalho dá formozos escalos. §20º Não tem couza alguma memoranda, nem eu o sei, Cendufe, hoje 6 de Abril de 1758. Eu João Cerqueira da Costa paroco encomendado desta freguesia que esta mandei escrever e asinei com os parochos vezinhos abaixo assinados e o contheudo nella juro in verbo sacerdotis era supra. O encomendado João Cerqueira da Costa. O abbade Thomás de Araujo e Britto. O vigario Antonio Velho Brandão.

Referências documentais:
IAN/TT, Memórias Paroquiais, Vol. 10, mem. 259, pp. 1753 a 1758.
ADB/UM, Tombo desta igreja, 1718, 65, 454. – Obrigação à fábrica da capela de Nossa Senhora das Neves, a favor deDomingos de Araújo Barbosa e sua mulher moradores na sua Quinta dos Casais, nesta freguesia, que querem erigir uma capela em honra da dita Senhora e que está toda bem ornada para que se possa lá rezar missa, 1682, 32, 13v. – Obrigação à fábrica da ermida de S. José, a favor do abade Simão Barbosa Brandão, que erigiu uma ermida de invocação ao dito Santo nesta freguesia no lugar de Vila Boa e pede licença para se dizer missa pois está acabada e bem adornada e para sua fábrica hipotecava a sua vinha no Vinhal e horta, 1649, 23, 142.
ADVCT, Fundo Paroquial – Livros de Baptismos: 1598/1899; Casamentos: 1597/1899; Óbitos: 1598/1900. – Total de Livros: 14 + 84 cad.
Lugares segundo o Minho Pittoresco (1886/1887): Bouça, Agrelos,Outeiro, Vila Boa, Ribeiro, Lage, Costa, Bouças, Rodalho, Fábrica, Casais, Mourigo, Boucinha, Deveza, Monte, Couto, Soutelo, Portela, Chamadouro, Mengo, Espadanal, Crasto, Pinhó, Castoura, Raposo, Codeceira, Montealegre, Passo, Quintela, Igreja, Rio, Fundevila, Monte, Pêgo e Mó.

Capela, José Viriato (2005). As Freguesias do Concelho de Arcos de Valdevez nas Memórias Paroquiais de 1758. Arcos de Valdevez: Câmara Municipal.

A Freguesia no Arquivo Geral de Braga

Cendufe (São Tiago)
Relação dos documentos pertencentes ao fundo da “Mitra Arquiepiscopal de Braga”, série “Registo Geral”, existentes no Arquivo Distrital de Braga / Universidade do Minho (ADB/UM)

AUTOS de visita ao oratório de António Luís de Sousa e sua mulher, dona Cândida Angélica e Sousa; seus filhos: Francisco Joaquim; António; José; dona Libânia; e dona Emília; e seus tios: Frei Francisco do Coração de Jesus; e Frei Bento do Pilar, monges beneditinos, da freguesia de São Tiago de Cendufe, concelho dos Arcos de Valdevez. Datas de produção: 1828-11-10 – 1828-11-10. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/005/00129. Cota: A – 120.

CARTA de encomendação para a igreja de Santiago de Cendufe, a favor do padre Gaspar António Esteves, coadjutor da mesma igreja, por tempo de um ano. Datas de produção: 1803-07-23 – 1803-07-23. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0193/043155. Cota: A – 193-299v.

CONCURSO que se fez da paroquial igreja e abadia de Santiago de Cendufe, que vagou por morte do abade Manuel Barbosa de Araújo, a favor do padre João Ferreira, natural desta cidade. Datas de produção: 1683-08-30 – 1683-08-30. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0354/061841. Cota: A – 354-17v-19.

DISPENSA matrimonial de António José Coelho e Custódia Maria Gomes. Ele da freguesia de Padreiro, São Salvador, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1836 – 1836. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/01927. Cota: A – 1927.

DISPENSA matrimonial de António José Rodrigues e Maria Antónia. Ele da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1852 – 1852. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/06914. Cota: A – 6914.

DISPENSA matrimonial de Domingos José e Luísa Maria. Ele da freguesia de Refoios de Lima, Santa Maria, concelho de Ponte de Lima. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1817 – 1817. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/00410. Cota: A – 410.

DISPENSA matrimonial de Domingos José Silva e Joana Maria Caldas Moreira Silva. Ele da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1855 – 1855. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/08479. Cota: A – 8479.

DISPENSA matrimonial de João Manuel Cerqueira e Maria Clara. Ele da freguesia de Padreiro, São Salvador, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1855 – 1855. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/08575. Cota: A – 8575.

DISPENSA matrimonial de José António Amorim e Joséfa Maria Barros. Ele da freguesia de Padreiro, Santa Cristina, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1854 – 1854. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/08175. Cota: A – 8175.

DISPENSA matrimonial de José Dantas e Maria Antónia. Ele da freguesia de Refoios de Lima, Santa Maria, concelho de Ponte de Lima. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1837 – 1837. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/02229. Cota: A – 2229.

DISPENSA matrimonial de José Freitas e Custódia Maria. Ele da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1854 – 1854. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/08070. Cota: A – 8070.

DISPENSA matrimonial de José Gomes Pereira e Maria Joaquina. Ele da freguesia de Jolda, Santa Maria Madalena, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1857 – 1857. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/09359. Cota: A – 9359.

DISPENSA matrimonial de José Joaquim Rodrigues e Joséfa Rosa. Ele da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1851 – 1851. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/06330. Cota: A – 6330.

DISPENSA matrimonial de Luís António Araújo e Joana Luísa. Ele da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Padreiro, São Salvador, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1836 – 1836. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/01928. Cota: A – 1928.

DISPENSA matrimonial de Manuel José Pereira e Joana Maria. Ele da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Padreiro, Santa Cristina, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1840 – 1840. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/03154. Cota: A – 3154.

DISPENSA matrimonial de Tomás Lobo Sá Sotto Maior e Helena Pinto Queirós. Ele da freguesia de Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Ela da freguesia de Infesta, São Tiago, concelho de Paredes de Coura. Datas: 1848 – 1848. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/004/04725. Cota: A – 4725.

INQUIRIÇÃO de genere de António Barbosa Sá. Filiação: Manuel Barbosa Araújo e Ângela Rocha Sá. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1719-10-16 – 1719-10-16. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/01394. Cota: A – 64.

INQUIRIÇÃO de genere de António Gomes Caldas Morais. Filiação: Manuel António Caldas e Maria Joaquina Brito. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1822-02-09 – 1822-02-09. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/12224. Cota: A – 544.

INQUIRIÇÃO de genere de António José Mendes Galvão. Filiação: João Rodrigues Fernandes e Joana Maria Mendes. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago e Arcos de Valdevez – São Paio, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1760-08-27 – 1760-08-27. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/07349. Cota: A – 334.

INQUIRIÇÃO de genere de Francisco Inácio Lobo Sá Sotomaior. Filiação: João Baptista Costa Lobo e Francisca Inácia Sá Sotomaior Leones. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago e Souto, São Pedro, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1848-11-10 – 1848-11-10. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/28780. Cota: A – 1264.

INQUIRIÇÃO de genere de Francisco José Sousa. Filho de Manuel António Caldas e de Catarina Joséfa Conceição. Datas: 1795-04-02 – 1795-04-02. Código de referência: PT/UM-ADB/MON/CSB/006/01607. Cota: I-CSB-69-doc. 9.

INQUIRIÇÃO de genere de Gaspar Himalaia Rocha Fernandes. Filiação: Gomes António Fernandes e Maria Joaquina Gomes Rocha. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1897-11-24 – 1897-11-24. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/27906. Cota: A – 1224.

INQUIRIÇÃO de genere de João Dantas. Filiação: Domingos Dantas e Maria Amorim. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1701-01-31 – 1701-01-31. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/19186. Cota: A – 832.

INQUIRIÇÃO de genere de José Bernardino Sousa. Filiação: António Luís Sousa e Cândida Angélica Silva Sousa. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1833-10-29 – 1833-10-29. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/26632. Cota: A – 1181.

INQUIRIÇÃO de genere de Manuel António Gomes. Filiação: Gomes António Fernandes e Maria Joaquina Gomes Rocha. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1886-02-07 – 1886-02-07. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/10231. Cota: A – 464.

INQUIRIÇÃO de genere de Manuel Brito Soares. Filho de Luís Brito Soares e de Maria Soares. Possui uma referência a lápis: de Jesus, 135v. Datas: 1706-10-06 – 1706-10-06. Código de referência: PT/UM-ADB/MON/CSB/006/00575. Cota: I-CSB-48-fls. 104-112v.

INQUIRIÇÃO de genere de Manuel Cruz Lima. Filiação: António Araújo e Maria Fernandes. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, atual concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo. Datas: 1754-07-22 – 1754-07-22. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/006/10638. Cota: A – 483.

JUSTIFICAÇÃO de batismo de Gaspar Cândido. Filiação: Gaspar Cândido e Maria Rosa. Freguesia: Cendufe, São Tiago. Concelho: Arcos de Valdevez. Datas: 1864 – 1864. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/008/00960. Cota: A – 960.

JUSTIFICAÇÃO de estado livre de António José Brito. Filiação: António José Brito e de Maria Custódia Pereira. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1886 – 1886. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/010/02373. Cota: A – 2373.

JUSTIFICAÇÃO de estado livre de Francisco Xavier Pereira. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1886 – 1886. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/010/02369. Cota: A – 2369.

JUSTIFICAÇÃO de estado livre de João António Brito. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1860 – 1860. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/010/00036. Cota: A – 36.

JUSTIFICAÇÃO de estado livre de João Luís Brito. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1877 – 1877. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/010/00432. Cota: A – 432.

JUSTIFICAÇÃO de estado livre de José Dantas. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1882 – 1882. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/010/01515. Cota: A – 1515.

JUSTIFICAÇÃO de estado livre de José Lareo. Natural e/ou residente em Cendufe, São Tiago, concelho de Arcos de Valdevez. Datas: 1885 – 1885. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/010/02130. Cota: A-2130.

LICENÇA para benzer o oratório particular das casas de Francisco Xavier Bacelar de Araújo e dona Teresa Joséfa Pereira de Brito, da freguesia de Santiago de Cendufe. Datas de produção: 1778-08-04 – 1778-08-04. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0209/046906. Cota: A – 209-333v.

LICENÇA para dizer missa a favor do padre António Dias de Carvalho, da freguesia de São Tiago de Cendufe. Datas de produção: 1785-03-16 – 1785-03-16. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0234/058614. Cota: A – 234-27.

LICENÇA para dizer missa a favor do padre Sebastião Ferreira Leitão, da vila de Guimarães e assistente na freguesia de São Tiago de Cendufe. Datas de produção: 1788-03-14 – 1788-03-14. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0234/058571. Cota: A – 234-259-259v.

OBRIGAÇÃO à fábrica da capela de Nossa Senhora das Neves, sita junto à porta da Quinta dos Casais, na freguesia de Santiago de Cendufe. Datas de produção: 1682-07-18 – 1682-07-18. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0032/007707. Cota: A – 32-13v-16.

OBRIGAÇÃO à fábrica da ermida de S. José, a favor do abade Simão Barbosa Brandão, que erigiu uma ermida de invocação ao dito santo nesta freguesia no lugar de Vila Boa e pede licença para se dizer missa, pois está acabada e bem adornada e para sua fábrica hipotecava a sua vinha no Vinhal e horta, 1649, 23, 142. ¹

PROVISÃO a favor do padre André de Sousa Meneses, encomendado para a igreja de Santiago de Cendufe, para poder obrigar a Gomes da Costa Pereira, do Fundo de Vila, nesta cidade. Datas de produção: 1728-02-18 – 1728-02-18. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0076/015617. Cota: A – 76-429-429v.

PROVISÃO a favor dos oficiais da Confraria do Senhor, da freguesia de Santiago de Cendufe, comarca de Valença, para embargarem um capítulo de visita pelo tempo de três meses. Datas de produção: 1734-10-22 – 1734-10-22. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0166/037744. Cota: A – 166-337v-337v.

PROVISÃO de confirmação de estatutos da Confraria de Nossa Senhora do Rosário, da freguesia de Cendufe, a favor do juiz e mais oficiais da dita irmandade. Datas de produção: 1798-02-21 – 1798-02-21. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0193/042382. Cota: A – 193-74.

PROVISÃO de visitador a favor do reverendo licenciado José Dias Ribeiro, abade de Cendufe, para visitar as igrejas da segunda parte de Nóbrega e Neiva. Datas de produção: 1730-07-01 – 1730-07-01. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0177/039633. Cota: A – 177-403v-407.

PROVISÃO e mais requerimentos a favor de Manuel Barbosa de Araújo, da freguesia de Santiago de Cendufe, para poder ter um confessionário na sua capela. Datas de produção: 1734-07-06 – 1734-07-06. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0166/037586. Cota: A – 166-81-82v.

PROVISÃO para ter uma criada a favor do abade de Santiago de Cendufe, António José Leitão, pelo tempo de um ano. Datas de produção: 1795-07-13 – 1795-07-13. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0210/047910. Cota: A – 210-405.

REGISTO da provisão de visitador, a favor do reverendo José Dias Ribeiro, abade de Santiago de Cendufe, para visitador da 1.ª parte de Nóbrega e Neiva. Datas de produção: 1737-10-05 – 1737-10-05. Cota: A – 59-280-284.

REGISTO de aprovação de estatutos da Confraria do Santíssimo Sacramento, da freguesia de Santiago de Cendufe, a favor dos oficiais dela. Datas de produção: 1736-09-17 – 1736-09-17. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0070/013869. Cota: A – 70-320-322.

REGISTO de carta de encomendação para a igreja de Santiago de Cendufe, comarca de Valença, a favor do padre João Cerqueira da Costa, assistente na dita freguesia de Cendufe. Datas de produção: 1757-07-07 – 1757-07-07. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0114/024034. Cota: A – 114-154-154v.

REGISTO de carta de encomendação para a igreja de Santiago de Cendufe, a favor do padre João Cerqueira da Costa, da dita freguesia. Datas de produção: 1757-09-12 – 1757-09-12. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0134/028754. Cota: A – 134-591v-592v.

REGISTO de carta de encomendação para a igreja de Santiago de Cendufe, da comarca de Valença, a favor do padre Silvestre Gonçalves da Costa, da freguesia de Santa Cristina de Padreiro, da mesma comarca. Datas de produção: 1775-02-03 – 1775-02-03. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0150/032862. Cota: A – 150-57.

REGISTO de provisão a favor do reverendo António José Leitão, abade de Santiago de Cendufe, para advogar todos os requerimentos que lhe movem perante o reverendo vigário geral da comarca de Valença, para o juízo da provedoria desta corte. Datas de produção: 1775-07-25 – 1775-07-25. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0150/033089. Cota: A – 150-147v-148.

REGISTO de provisão a favor do reverendo José Dias Ribeiro, abade de Santiago de Cendufe, para visitador da 3.ª parte de Nóbrega e Neiva. Datas de produção: 1731-07-29 – 1731-07-29. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0142/031017. Cota: A – 142-273v-276v.

REGISTO de provisão a favor dos moradores de Santiago de Cendufe para erigirem uma Confraria de Nossa Senhora do Rosário na sua igreja. Datas de produção: 1746-08-25 – 1746-08-25. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0106/022185. Cota: A – 106-338-339.

REGISTO de provisão de licença de António José de Sá Sotomaior, morador na sua Quinta dos Casais, freguesia de Santiago de Cendufe, para ter confessionário na capela de que trata a sua petição. Datas de produção: 1763-02-25 – 1763-02-25. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0085/018141. Cota: A – 85-357v-358.

REGISTO de sentença cível de emprazamento em 3 vidas do Casal de Crasto, sito na freguesia de Santiago de Cendufe e foreiro à igreja dele, a favor de Gregório de Azevedo Leões, morador na sua Quinta de Vila Boa, 1.ª vida, que nomeara a 2.ª e esta a 3.ª. Datas de produção: 1746-09-03 – 1746-09-03. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0106/022206. Cota: A – 106-388-396.

REGISTO de título e sentença apostólica e mandado de capienda possessione da igreja e abadia de Santiago de Cendufe, a favor do reverendo Anastácio José Leite. Datas de produção: 1763-02-18 – 1763-02-18. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0063/013313. Cota: A – 63-49-59.

TÍTULO da abadia de São Lourenço de Alvelos, a favor do padre António de Brito Soares, natural da freguesia de Santiago de Cendufe, da comarca de Valença. Datas de produção: 1710-08-29 – 1710-08-29. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0130/027485. Cota: A – 130-361v-362.

TÍTULO da igreja paroquial e vigararia colada do Salvador de Resende, na comarca de Valença, a favor do reverendo Jerónimo José de Sá Soutomaior Leones, da freguesia de São Tiago de Cendufe. Datas de produção: 1779-03-27 – 1779-03-27. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0213/049003. Cota: A – 213-301-301v.

TÍTULO da vigararia de São Julião da Silva, da comarca de Valença, a favor de António de Brito Soares, natural da freguesia de São Tiago de Cendufe. Datas de produção: 1706-04-25 – 1706-04-25. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0025/006073. Cota: A – 25-42v-43.

TÍTULO de mandado de capienda possessione da paroquial igreja de Cendufe, a favor do doutor José Dias Ribeiro. Datas de produção: 1728-05-27 – 1728-05-27. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0101/020975. Cota: A – 101-146v-150v.

TÍTULO do prazo do Assento de Santiago de Cendufe, feito a Bento Coelho Pacheco. Datas de produção: 1642-05-20 – 1642-05-20. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0030/007197. Cota: A – 30-92-93.

TOMBO da igreja do Salvador de Padreiro e suas anexas Santa Cristina e Santiago de Cendufe. Datas de produção: 1548-07-09 – 1548-07-09. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/060775. Cota: A – 279-9.

TOMBO da igreja e abadia de Santiago de Cendufe, termo dos Arcos de Valdevez. Datas de produção: 1718-06-25 – 1718-06-25. Código de referência: PT/UM-ADB/DIO/MAB/001/0065/013601. Cota: A – 65-454v-464.


¹ Nota: informação retirada do livro de José Viriato Capela, intitulado: As freguesias do concelho dos Arcos de Valdevez nas memórias paroquiais de 1758.